Banner:

sexta-feira, 29 de outubro de 2010

Texto atribuído a Arnaldo Jabor na internet talvez mostre a indignação de muitos brasileiros.

Prezados(as) leitores(as), o texto que vou postar hoje está na internet. Mas recebi por e-mail de uma amiga, de Teófilo Otoni, no interior de Minas Gerais. Não se comprovou se realmente foi Arnaldo Jabor quem escreveu o referido texto, mas, pelas considerações feitas, a forma agressiva, bem ofensiva que foi escrito, e um 'pequeno detalhe' no último trecho do texto, NÃO creio que seja do Arnaldo Jabor. Tenho minhas dúvidas de que seja um texto recente também. Porém, o que foi escrito talvez demonstre a insatisfação de muitos brasileiros. Há quem já tenha comentado que os brasileiros realmente são o que está escrito (sem generalizar, claro); e quem diz isso também escreve que é difícil admitir. Mas também existe os que não aceitaram o texto e repudiaram totalmente. Arnaldo Jabor, que já teve alguns textos censurados a pedido de Lula e outros políticos, comentou ontem, 28/10, sobre seu novo filme lançado, em entrevista gravada no "Jornal da Globo" (aquele jornal tarde da noite, onde ele já falou diversos textos, com suas críticas). Disse também que quer falar mais sobre coisas boas e deixar um pouco de lado o comentário ruim sobre coisas ruins. No entanto, sem querer ser "negativo", segue abaixo o texto na íntegra sobre com o título de "O POVO BRASILEIRO". Faça depois o seu comentário, por favor:

"BRASILEIRO É UM POVO SOLIDÁRIO. MENTIRA! BRASILEIRO É BABACA!
 
Eleger para o cargo mais importante do Estado um sujeito que não tem escolaridade e preparo nem para ser gari, só porque tem uma história de vida sofrida; pagar 40% de sua renda em tributos e ainda dar esmola para pobre na rua ao invés de cobrar do governo uma solução para pobreza; aceitar que ONG's de direitos humanos fiquem dando pitaco na forma como tratamos nossa criminalidade; não protestar cada vez que o governo compra colchões para presidiários que queimaram os deles de propósito, não é coisa de gente solidária. É coisa de gente otária.

BRASILEIRO É UM POVO ALEGRE. MENTIRA! BRASILEIRO É BOBALHÃO!
 
Fazer piadinha com as imundices que acompanhamos todo dia é o mesmo que tomar bofetada na cara e dar risada; depois de um massacre que durou quatro dias em São Paulo, ouvir o José Simão fazer piadinha a respeito e achar graça, é o mesmo que contar piada no enterro do pai; brasileiro tem um sério problema, quando surge um escândalo, ao invés de protestar e tomar providências como cidadão, ri feito bobo.

BRASILEIRO É UM POVO TRABALHADOR. MENTIRA! BRASILEIRO É VAGABUNDO POR EXCELÊNCIA!

O brasileiro tenta se enganar, fingindo que os políticos que ocupam cargos públicos no país surgiram de Marte e pousaram em seus cargos, quando na verdade, são oriundos do povo; o brasileiro, ao mesmo tempo em que fica indignado ao ver um deputado receber 20 mil por mês, para trabalhar três dias e coçar o saco o resto da semana, também sente inveja e sabe lá no fundo que se estivesse no lugar dele faria o mesmo; um povo que se conforma em receber uma esmola do governo de 90 reais mensais para não fazer nada e não aproveita isso para alavancar sua vida (realidade brutal da maioria dos beneficiários do bolsa família) não pode ser adjetivado de outra coisa que não de vagabundo.

BRASILEIRO É UM POVO HONESTO. MENTIRA! JÁ FOI!

Hoje é uma qualidade em baixa. Se você oferecer 50 euros a um policial europei para ele não te autuar, provavelmente irá preso. Não por medo de ser pego, mas porque ele sabe ser errado aceitar propinas; o brasileiro, ao mesmo tempo em que fica indignado com o mensação, pensa intimamente o que faria se arumasse uma boquinha dessas, quando na realidade isso sequer deveria passar por sua cabeça.

90% DE QUEM VIVE NA FAVELA É GENTE HONESTA E TRABALHADORA. MENTIRA! JÁ FOI!

Historicamente, as favelas se iniciaram nos morros cariocas quando os negros e mulatos retornando da Guerra do Paraguai ali se instalaram. naquela época, quem morava lá era gente honesta, que não tinha outra alternativa e não concordava com o crime. Hoje a realidade é diferente. Muito pai de família sonha que o filho seja aceito como 'aviãozinho' do tráfico para ganhar uma grana legal. Se a maioria da favela fosse honesta, ja teriam existido condições de se tocar os bandidos de lá para fora, porque podem matar 2 ou 3, mas não milhares de pessoas. Além disso, cooperariam com a polícia na identificação de criminosos, inibind-os de montar suas bases de operação nas favelas.

O BRASIL É UM PAÍS DEMOCRÁTICO. MENTIRA! NUM PAÍS DEMOCRÁTICO A VONTADE DA MAIORIA É LEI!

A maioria do povo acha que bandido bom é bandido morto, mas sucumbe a uma maioria barulhenta que se apressa em dizer que um bandido que foi morto numa troca de tiros, foi executado friamente; num país onde todos têm direitos, mas ninguém tem obrigações; não existe democracia e sim, anarquia; num país em que a maioria sucumbe bovinamente ante uma minoria barulhenta, não existe democracia, mas um simulacro hipócrita; se tirarmos o pano do policitamente corret, veremos que vivemos numa sociedade feudau: um rei que detém o poder central 9presidente e suas MP's, seguido de duques, condes, arquiduques e senhores feudais (ministros, senadores, deputados, prefeitos, vereadores). Todos sustentados pelo povo que paga tributos que têm como único fim, o pagamento dos privilégios do poder. E ainda somos obrigados a votar. Democracia isso? Pense!

O FAMOSO JEITINHO BRASILEIRO.

Na minha opinião um dos maiores responsáveis pelo caos que se tornou a política brasileira. Brasileiro se acha malandro, muito esperto. Faz um 'gato' puxando a TV a cabo do vizinho e acha que está botando pra quebrar. No outro dia, o caixa da padaria erra no troco e devolve 6 reais a mais... caramba, silenciosamente ele sai de lá com a felicidade de ter ganhado na loto... malandrões, esquecem que pagam a maior taxa de juros do pleneta e o retorno é zero. Zero saúde, zero emprego, zero educação; mas e daí? Afinal, somos penta campeões do mundo né?! Grande coisa...

O BRASIL É O PAÍS DO FUTURO. CARAMBA, MEU AVÔ DIZIA ISSO EM 1950!

Muitas vezes cheguei a imaginar como seria a indignação e revolta dos meus avós se ainda estivessem vivos. Dessa vergonha eles se safaram. Brasil, o país do futuro?! Hoje o futuro chegou e tivemos uma das piores taxas de crescimento do mundo.

DEUS É BRASILEIRO. PUXA, ESSA EU NEM VOU COMENTAR...

O que me deixa mais triste e inconformado é ver todos os dias nos jornais a manchete de vitória do governo mais sujo já visto em toda a história brasileira.

PARA FINALIZAR, TIRO MINHA CONCLUSÃO:

O brasileiro merece! Como diz o ditado popular, é igual mulher de malandro, gosta de apanhar. Se você não é como o exemplo do brasileiro citado nesse e-mail, meus sentimentos amigo, continue fazendo sua parte. e que um dia pessoas de bem assumam o controle do país novamente. Aí sim, teremos todas as chances de ser a maior potência do planeta. Afinal, aqui não tem terremoto, tsunami, nem furação. Temos petróleo, álcool, bio-diesel e sem dúvida nenhuma o mais importante: Água doce!

Só falta boa vontade, será que é tão difícil assim?"


Nesta última parte, quando fala de e-mail, escrito em vermelho acima, está a grande dúvida da autoria do texto. Talvez seja um brasileiro muito revoltado que resolveu não se identificar e acabou por dar a autoria do texto a Arnaldo Jabor e distribuir pela internet. Deixe seu comentário sobre o texto. 

"O SIGNIFICADO DAS COISAS NÃO ESTÁ NAS COISAS EM SI, MAS SIM, EM NOSSA ATITUDE COM RELAÇÃO A ELAS!" (Antoine de Saint-Exupéry; escritor e piloto da Segunda Guerra Mundial, 1900-1944)

quinta-feira, 28 de outubro de 2010

ALELUIA: Projeto 'FICHA LIMPA', mesmo com novo empate no STF, vai impugnar candidaturas realizadas em 2010.

Acredito que Dilma Rousseff já esteja vendo a possibilidade de contar com o apoio de outro político "FICHA SUJA", pois o candidato eleito para o senado, Jader Barbalho (PMDB-PA), que renunciou ao mandato em 2001 para escapar da cassação, quando era investigado por uma CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito), teve a sua candidatura indeferida ontem, 27/10/2010, pelo STF, em julgamento que novamente acabou empatado: 5 x 5. Mesmo com o empate, o presidente do STF, César Peluso, temendo por um desgaste da Corte, resolveu fazer outra rodada de votação para saber qual seria o posicionamento do Supremo Tribunal Federal com relação ao caso concreto que acabaram de julgar. Feito isso, a solução escolhida foi adotar o artigo 205 do regimento interno do Supremo, que, em síntese, fica prevalecendo a decisão do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), instância que julgou a IMPUGNAÇÃO do referido político.

Desta forma, casos semelhantes ao de Jader Barbalho serão julgados da mesma forma pelas instâncias inferiores, sem que seja necessário novo recurso ao TSE. Porém, outros casos de impugnação que a Lei "FICHA LIMPA" determina impedimento de candidatura serão julgados no STF a partir de novos recursos apresentados. Ou seja, "cada caso é um caso". Mesmo que de forma parcial, a Lei "FICHA LIMPA" já conseguiu uma vitória importante, mesmo que difícil, para que a sua validade já seja aplicada nestas eleições de 2010. Assim, no caso como o de Jader Barbalho, a alegação de advogados para que seja respeitado o "princípio de anualidade", para que seja estipulado o prazo de UM ANO para aplicação de uma mudança na Lei Eleitoral depois da promulgação da nova norma. Com isso, o povo brasileiro não vai ter que esperar 365 dias para que políticos travestidos de "bandidos", que usaram de subterfúgios ridículos, como fez o apoiador de Dilma Rousseff, Jader Barbalho.

Agora é aguardar novos recursos que tentam modificar a decisão do TSE sobre candidaturas de políticos que já foram julgados por um colegiado de juízes em instâncias inferiores e impedidos de se candidatarem, conforme redação da Lei "FICHA LIMPA". É isso que muitos políticos que têm dezenas, centenas de processos em Tribunais Regionais temem. Marcos Mendes é um deles. E, quando um dos processos de Marcos Mendes chegar ao TSE, conforme o caso, será julgado. Sendo condenado e havendo o trânsito em julgado, sem cabimento de novos recursos, Marcos Mendes não poderá mais se candidatar. Ou seja, terá de voltar para a medicina, ou conseguir algum cargo por indicação, se apoiar a candidatura de um correligionário. Como ele é muito amigo de Sérgio Cabral, pode pedir emprego ao governador do Rio de Janeiro.

Muito estranho é que o STF tenha colocado o recurso de Jader Barbalho em votação, mesmo sabendo que poderia dar novo empate. Como se vê, não somente os políticos disperdiçam dinheiro público. Ontem, em sessão plenária, depois de acabar empatado, o ministro Joaquim Barbosa e Ricardo Lewandowski alegaram que o STF sai perdendo com todo o trabalho realizado na corte, mediante novo empate. Joaquim Barbosa, como eu já escrevi aqui outras vezes, é um juiz que não tem dó de políticos bandidos, e Ricardo Lewandowski é o presidente do TSE, que foi escolhido após a desistência de Joaquim Barbosa, por estar com um problema de saúde e não pode acumular o cargo. Com isso, muitos "políticos sujos" ficaram aliviados. No entanto, Ricardo Lewandowski está na mesma linha do Joaquim Barbosa e não vai perdoar "políticos podres". Marcos Mendes que se cuide!

"NÓS ENFORCAMOS OS LADRÕEZINHOS E INDICAMOS OS GRANDES LADRÕES PARA CARGOS PÚBLICOS!" (Ésopo, lendário autor grego)

quarta-feira, 27 de outubro de 2010

Projeto 'FICHA LIMPA' novamente na pauta do STF.

Um recurso do candidato ao senado, Jader Barbalho (PMDB-PA), fez com que os ministros do STF (Supremo Tribunal Federal) abrissem nova sessão para julgar o Projeto "FICHA LIMPA". Jader Barbalho é aquele mesmo político que foi preso, algemado e encaminhado ao departamento da Polícia Federal alguns anos atrás. (depois desse episódio, o STF decidiu regulamentar o uso de algemas no país). Jader Barbalho é o mesmo candidato que apóia a candidatura da Dilma Rousseff (PT) à presidência da república. Para a relatoria do recurso de Jader Rabalho, foi escolhido o ministro Joaquim Barbosa (foto acima). Este ministro tem "mão pesada" contra políticos e é extremamente temido pelos "políticos bandidos" quando têm processos julgados por ele. Joaquim Barbosa já votou a favor da aplicação IMEDIATA da Lei "FICHA LIMPA", e portanto, o seu voto não é nenhuma novidade. Inclusive, sendo relator do recurso de Joaquim Barbosa, foi o primeiro a apresentar seu voto hoje, dia 27/10/2010 em sessão plenária.

Joaquim Barbosa, em seu voto, informou que o tema já foi "exaustivamente discutido" no recurso de Joaquim Roriz, e por este motivo, apresentou "voto suscinto". Barbosa afirmou ainda que a Lei "FICHA LIMPA", não se qualifica como lei de processo eleitoral, portanto, não é necessário esperar um ano para aplicá-la. Desta forma, manteve o voto aplicado no recurso do ex-governador do Distrito Federal, Joaquim Roriz. Naquele recurso, que terminou empatado em cinco votos iguais, e na falta de um ministro para desempatar os votos no recurso, pois Eros Graus foi aposentado de forma compulsória, não se chegou a nenhuma definição para a nova lei. No entanto, Joaquim Roriz desistiu do recurso, e assim, o processo foi arquivado sem definição nenhuma. Os ministros do STF informaram que o assunto seria novamente discutido quando novo recurso fosse apresentado para a Corte.

Parece que o ministro do STF, Gilmar Mendes (foto ao lado), não quer muito que se aplique a lei "FICHA LIMPA" nas eleições de 2010. Gilmar Mendes, com respeito, é o ministro que fala mas que muitas pessoas não conseguem entender o diz, pois tem dificuldades na dicção. Segundo declarações do próprio Gilmar Mendes, está havendo um "excesso de moralismo". Sinceramente, não entendi essa declaração do ministro Gilmar Mendes. Dá a entender que ele é a favor das irregularidades, dos escândalos políticos, e de que muitos bandidos travestidos de políticos continuem roubando e assumindo cargos eletivos. Acho que o ministro Gilmar Mendes tem que se aposentar rapidamente, com o devido respeito. Gilmas Mendes é o mesmo ministro que discutiu com Joaquim Barbosa em plenário. Joaquim Barbosa mandou "uma direta" e disse para Gilmar Mendes que não faz parte dos "capangas" dele de Mato Grosso.

O advogado de Jader Barbalho (na foto ao lado, político que Dilma aceita e quer apoio, mas distância para não aparecer ao lado dele na TV) tentou explicar que o caso em julgamento é diferente do processo de Joaquim Roriz, argumentando que o político. O advogado disse que Jader Barbalho renunciou para não se AUTOINCRIMINAR, e não para fugir da cassação. Bem, isso é uma tese, um argumento. Não importa o motivo da renúncia, e sim, a renúncia em si. A nova Lei é clara quanto a renúncia, pois proíbe a candidatura de políticos que utilizarem este recurso para fugir de cassação. Portanto, os advogados terão que "rebolar" para fazer a defesa nos casos da Lei "FICHA LIMPA". A votação nesse novo recurso tem a possibilidade de acabar empatado novamente e nada ser definido. A exceção é para se algum ministro mude a forma do voto aplicado no processo anterior que foi arquivado. Tudo porque falta um ministro no STF para ser indicado pelo presidente Lula, mas ainda não foi feita a indicação. Com isso, tempo e dinheiro são gastos em julgamentos inúteis. Nesse caso, pode ser muito inútil mesmo, pois já resultou empate. Coisa de Brasil mesmo!

Para nós, cidadãos e eleitores, a única coisa que resta fazer é "torcer" para que uma definição positiva para a Lei "FICHA LIMPA" saia neste novo julgamento, determinando a APLICAÇÃO IMEDIATA nestas eleições de 2010. Eu continuo acreditando em MILAGRES!

"AS LEIS SÃO COMO AS TEIAS DE ARANHA QUE APANHAM OS PEQUENOS INSETOS E SÃO RASGADAS PELOS GRANDES!' (Sólon; legislador, jurista e poeta grego antigo, 638 a.c - 558 a.C)

terça-feira, 26 de outubro de 2010

Juristas fazem debate sobre a morosidade da Justiça. Acredito que a 'Justiça' NÃO quer trabalhar!

Foi realizado um evento no último dia 20 de outubro na Universidade UNINOVE, em São Paulo, no Campus Vergueiro. Sexto evento da série, o objetivo era debater a morosidade extrema da Justiça, com a presença de  desembargador do Tribunal de Justiça de São Paulo, da OAB-SP, e do CNJ (Conselho Nacional de Justiça). Eventos são realizados para a busca de soluções para o problema, mas as reuniões não tem significado muita coisa. Com uma legislação que "trava" o bom andamento processual, impossível querer agilidade da Justiça. Há a perspectiva de que o novo CPC (Código de Processo Penal), que pode ser mudado no próprio ano, a tendência é diminuir a demora das Ações na Justiça.

O desembargador José Renato Nalini disse que "é preciso mudar o ensino jurídico para mudar a justiça". Ele alertou também que o número de processos no Brasil foi muito grande em 2009 (cerca de 25,5 milhões só em 2009), e que é preciso fazer com que o profissinal do Direito seja um conciliador, pois a maior parte das questões levadas à Justiça poderia ser resolvida com debates. Quanto à mudança do ensino jurídico no Brasil isso já deveria ser feito há muito tempo. A questão é que o ensino superior no Brasil virou um caça níquel e que muitas universidades não se preocupam em oferecer qualidade aos alunos. Além disso, usam e abusam das arbitrariedades, da falta de estrutura, e de descumprimento de contrato, como já ocorreu comigo na Universidade Estácio de Sá, em Cabo Frio, levando-me a ingressar na Justiça contra a instituição.

Além disso, um amigo advogado e professor me confidenciou que rejeitou um convite para trabalhar na Universidade Estácio de Sá, em Cabo Frio, pois não valoriza o profissional, pagando bem abaixo que outras instituições. com isso, resolveu lecionar em outro município, apesar da distância de sua residência. A verdade é que a instituição de ensino superior particular vê o ensino como fonte arrecadadora, e não como qualificação dos seus alunos. É certo também que quem faz a escola é o(a) aluno(a), e o(a) aluno(a) não pode se deixar enganar esperando que a universidade o(a) transforme em um excelente profissional na área que fez a graduação. Contra as universidades particulares que se recusam a dar estrutura aos alunos e cumprir o que determina o MEC, parece que o governo não quer fazer nada. Tudo é na base da "negociata" e o ensino particular universitário mais parece uma verdadeira "MÁFIA".

Outro ponto importante para a morosidade da Justiça e o acúmulo de processos é que não existe interesse na preparação dos magistrados para que acordos sejam formalizados em audiência. O trabalho dos magistrados passou a ser automático, e não trabalham com o objetivo de realizar acordos entre as partes dos processos que tentam "andar" na Justiça. É uma área que posso falar porque a minha melhor experiência jurídica foi no Tribunal de Justiça de Minas Gerais, onde fiz estágio para trabalhar como conciliador, e em uma área bem complexa: Família. Trabalhando na Comarca de Ipatinga-MG, tive a oportunidade de contar com a supervisão de psicólogos e juízes. Na área de FAMÍLIA vi o quanto a população precisa de ajuda. Quando fui convidado por uma advogada para trabalhar em um escritório, conversei com o juiz diretor do fórum de Ipatinga e professor, Dr. Fábio de Sousa, e ele me aconselhou para aceitar o convite, pois iria aumentar meu conhecimento jurídico, vez que o meu aprendizado na Conciliação já tinha sido significante.

Trabalhando em escritório de advocacia em Ipatinga-MG, tive a oportunidade de ingressar com ações no Juizado Especial Cível (conhecido popularmente como "Juizado de Pequenas Causas"), onde também trabalham estagiários com o objetivo de realizar acordos nas Ações, evitando a necessidade de outra audiência com um juiz togado (magistrado judicial). Em Ipatinga, fiz acordos e vi acordos sendo feitos, embora muitos acordos sejam recusandos nessa fase do processo. O importante é o interesse do magistrado e do estagiário em conciliação em fazer acordos com as partes. Muitas vezes é o(a) advogado(a) que não quer o acordo, e dificulta muito. Tive essa experiência também. Aqui em Cabo Frio existe a fase de conciliação do Juizado Especial Cível e Conciliação de Família. No Juizado Especial Cível a audiência se tornou uma coisa "automática", e os conciliadores NÃO são preparados para realizar acordos nas audiências. Dá a impressão nem os processos agendados para a audiência sejam lidos antes pelos(as) conciliadores(as).

Já na audiência de Conciliação de Família, a experiência que eu tive não foi agradável em Cabo Frio, quando participei de uma audiência com uma estagiária que presidia a conciliação. Nesta oportunidade, além da formalidade excessiva, a estagiária mostrou soberba com a função que exercia e demonstrou total falta de preparo para conversar com as partes do processo. É o típico caso que o "poder" atrofia o cérebro. Vi que aquela estagiária pode ser tornar em mais uma magistrada soberba, como existe muitos nesse País. Nessa área as Universidades não trabalham e muitos dos alunos buscam apenas "títulos", sem se preocupar com o conteúdo que devem aprender. As Universidades se preocupam em fazer um "mini-cursinho" para que os alunos passem no "concurso" da OAB, que é a "PROVA DA ORDEM", onde os candidatos tentam adquirir a Carteira de Advogado para poder trabalhar. É o único curso que exige prova antes de exercer a profissão. Nem a medicina tem isso.

Por fim, outro motivo da demora da solução de processos no Brasil é o exemplo da Comarca de Cabo Frio, onde se tem um Fórum que mais parece um "Sepulcro Caiado". Existe apenas a estrutura, mas falta magistrado para trabalhar. Além disso, o que existe para trabalhar, ainda tem que atender processos de outros juízes. E também, existe Juiz em Cabo Frio que só faz audiência um dia por semana. Onde está a OAB que não faz absolutamente nada?! Isso eu só vi em Cabo Frio. Portanto, colocar a culpa simplesmente nos(as) advogados(as), dizendo que estes não realizam conversa com a parte contrária antes de ingressar com Ações é querer esconder os erros que comentem os que comandam os Tribunais de Justiça do Brasil. É preciso querer trabalhar, e no Brasil muitos magistrados não querem, infelizmente!

"A JUSTIÇA É A VERDADE EM AÇÃO!" (Joseph Joubert; escritor francês, 1754-1824)

segunda-feira, 25 de outubro de 2010

Marcos Mendes tenta mostrar serviço e faz nova 'promessa' para ir na JOVEM TV.

Depois de um final de semana com problemas na internet que não funcionou regularmente, volto a escrever novo assunto hoje:

O prefeito de Cabo Frio, Marcos Mendes, inaugurou o ginásio esportivo no bairro Jardim Esperança, que demorou muito tempo para ser construído, apesar de ser um projeto aparentemente simples, pela importância do bairro. Em entrevista ao apresentador Dionísio Quaresma, da JOVEM TV, quando esteve na inauguração, o atual prefeito Marcos Mendes, com o seu discurso demagógico de sempre, tentou explicar a importância da construção do ginásio para os moradores do bairro Jardim Esperança e bairros vizinhos também. O governo Marcos Mendes está sendo conhecido pela sua "PARALISIA", com uma total inoperância do governo municipal. A situação é tão caótica que agora tenta recuperar o tempo e dinheiro disperdiçados.

A situação caótica é ampliada para a Câmara Municipál de Cabo Frio, onde Marcos Mendes tem como seus "servos" a maioria dos vereadores da Câmara Municipal. Sem uma Câmara atuante, sem projetos significativos para a cidade, sem nenhuma perspectiva de melhorias, Cabo Frio está mergulhada em um marasmo gigantesco. A tendência é que o governo municipal resolva trabalhar bem próximo ao novo pleito eleitoral a ser realizado em 2012. Até lá, ninguém sabe o que será feito com o dinheiro do petróleo. Aliás, esse assunto esfriou, e somente após as eleições presidenciais de 2010 o tema volta para a mídia.  Fato é que uma das cidades mais ricas do Estado do Rio de Janeiro vive em uma "pobreza" incrível. Neste sábado que passou, dia 23/10, o primeiro transatlântico aportou em Cabo Frio antes do início do próximo verão. O que será que os turistas fizeram na cidade? Quanto gastaram? Ninguém sabe, a mídia não se interessou. A importante Cabo Frio está abandonada!

O prefeito Marcos Mendes, por sua vez, fez nova promessa para participar do programa "Informe Local", ao vivo, na JOVEM TV. O referido programa é comandado por Dionísio Quaresma, de 2ª a 6ª feira, das 09h00 às 11h00. É a segunda vez que o prefeito faz a promessa para a sua participação no referido programa, depois de tantos convites feitos na emissora pelo próprio apresentador Dionísio. A "promessa" de Marcos Mendes foi pessoalmente ao Dionísio Quaresma, quando foi realizada a inauguração do ginásio esportivo do bairro Jardim Esperança. Na promessa, Marcos Mendes declarou que esta semana estaria no programa "Informe Local" da JOVEM TV. Sinceramente, sou forçado a agir como Tomé, e quero "ver para crer". Sei que no dia da possível participação do prefeito no programa a linha telefônica estará congestionada para participações "ao vivo", além de muitas mensagens no "MSN". Muitos questionamentos serão feitos e o prefeito, que não responde nada de forma objetiva, vai tentar "enrolar" o máximo, não só o público, mas o apresentador também. (nisso, Marcos Mendes é experiente).

Aqui no blog, existem comentários e questionamentos sobre a situação da Guarda Municipal, que não contratada os aprovados em concurso, e temem que novas contratações irregulares sejam realizadas para o verão e o pessoal que fez o concurso fique de fora. A política de contratação em Cabo Frio sem concurso público é uma situação ABSURDA. A utilização de "portarias" é uma afronta aos direitos de todo e qualquer cidadão, e se transforma em um verdadeiro "cabide de empregos". Muitas pessoas ficam quietas, pois são usuárias desse "privilégio". A mídia se cala, o Ministério Público parece estar em permanente "recesso" e a Justiça colabora para as irregularidades. E ainda querem uma grande participação da povo brasileiro nas eleições, implorando para que todos votem.
"O EXCESSO DE PROMESSA DIMINUI A CONFIANÇA!" (Horácio, poeta lírico e satírico romano, 65 a.C - 8 a.C)

sexta-feira, 22 de outubro de 2010

Jânio Mendes quer ser deputado, prefeito, ou voltar para uma secretaria em Búzios?

A expectativa do grupo de Jânio Mendes (PDT) e do próprio deve ser mesmo grande em relação ao referido político assumir uma vaga na Assembléia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro, como deputado estadual. A possibilidade é grande, já que existe a movimentação para que algum político eleito do PDT seja chamado para assumir alguma secretaria no governo de Sérgio Cabral, como eu já escrevi aqui antes. No entanto, é importante saber se o candidato Jânio Mendes irá assumir a "cadeira" de deputado e depois abandoná-la para se candidatar a outro cargo político, ou seja, concorrer nas eleições municipais de 2012, buscando o poder executivo de Cabo Frio, sendo prefeito. Acredito que o Jânio faça o que a maioria esmagadora dos políticos sempre fez, que é ficar "pulando" de "galho em galho" até conseguir uma "vaguinha" como político eleito, em qualquer cargo.

Eu, particularmente, já declarei que não voto mais em Jânio Mendes, e pelos motivos que já escrevi aqui no blog. Vejam bem que o discurso do Jânio foi de trabalhar para a Região dos Lagos, com projetos, ouvindo sempre a sociedade civil organizada. O discurso dos políticos é de que se deve privilegiar os candidatos da cidade, ou da região na qual os cidadãos eleitores votam. A reclamação é de que existem muitos candidatos "de fora", que aparecem aqui apenas nas eleições e depois não voltam mais. Porém, Cabo Frio, assim como as demais cidades da Região dos Lagos estão carentes de candidatos que possam fazer aquilo que os eleitores querem. Acordos diversos entre grupos políticos que mais parecem QUADRILHAS comprometem a credibilidade de muitos candidatos, que nem isso têm mais.

Com os votos obtidos nessas eleições de 2010 para deputado estadual, apesar da quantidade de votos ser bem abaixo do que esperavam, Jânio Mendes é suplente imediato a uma "vaguinha" na ALERJ. E bem que recebeu ajuda até de Paulo Melo, do PMDB, que em um dos comícios, sabendo que já estaria eleito novamente, acabou praticamente pedindo para que os ouvintes votassem em Jânio Mendes, para fortalecer a candidatura do candidato do PDT, Jânio Mendes, fazendo com que alcançasse os votos necessários para a sua eleição. Pode-se ver que o objetivo de levar Jânio Mendes para a Assembléia do Rio de Janeiro é até de candidato de partido diferente. No entanto, não é de se estranhar, pois o atual prefeito de Cabo Frio, Marcos Mendes, que é do PSDB, vive de "mãos dadas" com governador do Rio, Sérgio Cabral Filho. De repente, Marcos Mendes vote até em Dilma (PT) para presidente e não no candidato do PSDB, José Serra. Tudo é uma questão de conveniência, claro.

Existe também uma forte crítica ao Jânio, quando alegam que ele ficou "desfigurado", deixando de ser o político que "lutava" contra as irregularidades na cidade de Cabo Frio, e passou a agir passivamente, tentando ser um político "paz e amor". Até a empresa de coleta de lixo, que recebera uma verdadeira fortuna em Cabo Frio, parece que encontrou apoio de Jânio Mendes para se instalar também em Búzios, quando este político lá ocupou uma secretaria no governo de Mirinho Braga (PDT), prefeito de Búzuios. Talvez, Jânio Mendes tenha percebido que se não dá para ir contra os "poderosos", quem sabe, junto deles as coisas possam "melhorar"? Tudo é uma questão de conveniência pare ele, claro. O importante é assumir um cargo político rapidamente. Confesso que fiquei até surpreso de Jânio Mendes não ter voltado para uma secretaria em Búzios ainda. Mas creio que a expectativa é tão grande quanto à "vaguinha" na ALERJ  em fevereiro/2011 que Jânio talvez tenha até "desprezado" um emprego oferecido pelo amigo e correligionário Mirinho Braga.

Agora é aguardar para ver se o Jânio Mendes vai assumir uma "vaguinha" na ALERJ; depois, aguardar o mesmo Jânio Mendes talvez abandonar a "vaguinha" de deputado para tentar a eleição municipal em 2012, sendo candidato a prefeito. Não conseguindo nada, acredito que a "vaguinha" de um emprego no governo de Mirinho Braga em Búzios esteja à disposição. Tudo é uma questão de conveniência, claro... E o povo que precisa de ajuda, paga a conta!

"A POLÍTICA É A CONDUÇÃO DOS ASSUNTOS PÚBLICOS PARA O PROVEITO DOS PARTICULARES!" (Ambrose Bierce; escritor e jornalista americano, 1842-1913)

quinta-feira, 21 de outubro de 2010

Mais um texto de Arnaldo Jabor censurado pela Justiça.

Com essa disputa eleitoral acirrada, cheia de ataques e denúncias envolvendo os dois concorrentes à Presidência da República, mais um texto de Arnaldo Jabor (foto ao lado) foi censurado pela Justiça. Depois de outro texto em que Arnaldo Jabor verdadeiramente "escracha" o presidente Lula, e também depois que um magistrado praticamente chama Lula de "analfabeto" (que nada sabe, nada faz e nada vê) em uma sentença determinando a soltura de dois cidadãos que cometeram o famoso crime famélico; agora, um texto publicado no site da CBN foi retirado por determinação judicial. Arnaldo Jabor, com seus comentários inteligentes, alguns um tanto quanto sarcástico, porém, verdadeiro, escreveu uma suposta promoção para quem votar na candidata Dilma Rousseff (PT).

Além disso, o PT tentou retirar uma inserção do programa de José Serra, o adversário, onde é apresentado um boneco da Dilma, oco, mas com a foto de José Dirceu, Fernando Collor e Erenice (ex-ministra da Casa Civil, envolvida em escândalos) no fundo do boneco (uma foto em cada inserção). A Justiça decidiu manter a propaganda no programa eleitoral do candidato do PSDB. O PT se sentiu incomodado com a situação. Engraçado: o PT faz os acordos, alianças e depois não gosta que tais acordos e alianças sejam mostradas na TV. Muito interessante isso! Quanto ao texto do Arnaldo Jabor na CBN, segue abaixo a íntegra da suposta promoção para os eleitores da Dilma:

"Vote na Dilma e ganhe, inteiramente grátis, um José Sarney de presente, agregado ao Michel Temer. Mas não é só isso; votando na Dilma você também leva, inteiramente grátis (GRÁTIS???) um Fernando Collor de presente.

Não pense que a promoção termina aqui.

Votando na Dilma você também ganha, inteiramente grátis, um Renan Calheiros e um Jader Barbalho.

Mas atenção: se você votar na Dilma, também ganhará uma Roseana Sarney no Maranhão, uma Ideli Salvati em Santa Catarina e uma Martha Suplicy em São Paulo. Pensem em quem votar. Dá tempo ainda de mudar de opinião, pois nosso voto é muito importante. Pesquisem quem é Dilma, quem é Michel Temer. Lembrem-se do Collor.
Ligue já para a Dirceu-Shop, e ganhe este maravilhoso pacote de presente: Dilma, Collor, Sarney pai, Sarney Filho, Roseana Sarney, Renan Calheiros, Jáder Barbalho, José Dirceu, Delúbio Soares, José Genoíno, e muito, muito mais, com um único voto.

E tem mais, você também leva inteiramente grátis, bonequinhos do Chavez, do Evo Morales, do Fidel Castro ao lado do Raul Castro, do Ahmadinejad, do Hammas e uma foto autografada das FARC (Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia).

Isso sem falar no poster inteiramente grátis dos líderes dos bandidos "Sem Terra", Pedro Stedile e José Raínha, além do Minc com uniforme de guerrilheiro e sequestrador.

Ganhe, ainda, sem concurso, uma leva de deputados especialistas em mensalinhos e mensalões. E mais: ganhe curso intensivo de como esconder dinheiro na cueca, na meia, na bolsa..., ministrado por Marcos Valério e José Adalberto Vieira da Silva e José Nobre Guimarães.

Tudo isso e muito mais..."

Se não fosse trágico, seria cômico!

"ELES QUEREM A GENTE VIVO, MAS DOENTE, DEPENDENTE!" (Arnaldo Jabor; escritor, cineasta e crítico)

quarta-feira, 20 de outubro de 2010

Péssimo exemplo na Câmara de Vereadores de Cabo Frio é rotina!

Vi o mau comportamento e péssimo exemplo que o vereador Silas Bento demonstrou na Câmara, e que foi rapidamente comentado por Álex Garcia, em seu Blog Cartão Vermelho. Porém, o mau exemplo na Câmara não fica somente nisso. Uma instituição que deve ser respeitada por qualquer vereador que lá trabalhe não tem a devida consideração. Partindo do princípio de que prestaram compromisso para realizar o que a população deseja, eles contrariam isso diariamente, e buscam os seus interesses. Não posso generalizar a atuação ridícula dos vereadores que hoje estão na Câmara, mas a maioria absoluta trabalha para os seus interesses pessoais e do grupo político. Uma prova disso foi a antecipação da eleição para presidente da Câmara no próximo biênio 2011/2012. O vereador Silas Bento foi eleito, depois de um bom "acordo". É aquele mesmo vereador que fica conversando ao celular na sessão plenária enquanto um colega discursa. O mesmo que se "gaba" de ter vários mandatos, e, segundo ele, com "grandes realizaçoes". Resta saber onde estão essas realizações e o que mudou em termos práticos a vida dos moradores.

"Acordo" é algo rotineiro na vida dos vereadores que fazem parte do "bloco político governamental", comandados pelo prefeito Marcos Mendes. O prefeito, que já mostrou ser um péssimo administrador, utiliza também as suas palavras demágogicas e hipócritas em diversos discursos, principalmente no canal 10, da TV a Cabo, no programa comandado pelo seu "seguidor".  Desde aquele episódio onde houve a debandada dos políticos em apoio ao prefeito Marcos Mendes, quando este foi cassado, os vereadores perderam credibilidade. A união no esvaziamento da sessão plenária onde poderia ser realizada a posse do segundo colocado foi uma estratégia muito bem "armada" pelos apoiadores desse governo inoperante. No entanto, o acordo para o famigerado esvaziamento custou caro ao prefeito Marcos Mendes, que depois foi cobrado em plenário até pelo vereador que pouco fala na Câmara, que é o José Ricardo. Este vereador cobrou ao prefeito o respeito aos vereadores, vez que o "dublê" de prefeito não estava atendendo os vereadores da base aliada.

A atuação da base aliada do governo está sendo pífia. Comandada pelo vereador Alfredo Gonçalves, - que até agora não me respondeu sobre uma reclamação e repúdio que eu fiz contra a empresa Salineira, cujo documento eu lhe entreguei em mãos -, a Câmara Municipal requer uma grande mudança no seu conteúdo. Repleta de vereadores que buscam seus interesses pessoais, e que não sabem legislar, a próxima configuração da Câmara tem a tendência de ser bem modificada. Exceto se funcionar o que já está sendo colocado em prática: O ASSISTENCIALISMO. Há quem diga que já tem vereador realizando "trabalhos" em alguns locais, com distribuição de cestas básicas, remédios, material de construção e outros modos de compra de votos. Esse é um tipo de "trabalho" bem negativo, e por isso, escrevo em vermelho. Não posso provar (ainda), por isso eu não vou dizer o nome do vereador. Mas esse é o tipo de vereador que mais existe em todo o Brasil. Segundo informações, posso dizer que o vereador que já está fazendo este trabalho é bem instruído e concluiu os estudos. Não que os outros não possam fazer ou que não fazem, mas o vereador "bem instruído" já "saiu na frente" no "planejamento" para as eleições municipais de 2012.

O problema é que a dificuldade em que vivem muitas famílias em Cabo Frio dá a possibilidade para os "vereadores aproveitadores" agirem. A situação vai virar rotina em bem pouco tempo, a medida que se aproxima as eleições. Não creio que tais pessoas que receberão a "ajudinha" de vereadores dessa estirpe  tenham vontade de denunciar a prática, mas, de repente, pode aparecer alguém para falar e provar algo para toda a sociedade. A questão é saber se as autoridades irão realizar alguma coisa, mesmo com prova, pois a "Justiça" no Rio de Janeiro já está extremamente comprometida. No entanto, os "profissionais" da vereança devem tomar cuidado, pois denúncias serão feitas e candidaturas poderão ser impugnadas

"OS POBRES NÃO FORAM FEITOS PARA A POLÍTICA, MAS PARA SUSTENTAR O PODER DOS POLÍTICOS!" (Ilário Dias Cardoso Filho)

terça-feira, 19 de outubro de 2010

PROCON de Cabo Frio é INÚTIL!

Órgão criado para a defesa do consumidor, em Cabo Frio, o PROCON é inoperante e não faz absolutamente nada para defender os interesses dos consumidores. E quando realiza audiências para resolver determinados casos, não havendo solução, pede para o consumidor ir até o fórum para entrar com uma Ação Judicial. Testemunhei várias pessoas no Fórum de Cabo Frio para ingressarem com Ações Judiciais depois de terem procurado o PROCON, sem resolver absolutamente nada. Alguns consumidores até falaram que sequer o PROCON toma alguma providência, orientando os consumidores para irem direto ao Fórum.

No Fórum existe o primeiro atendimento a consumidores, através dos estagiários em Direito das Universidades Veiga de Almeida e Estácio de Sá, em Cabo Frio, que atuam fazendo Ações para ingresso no Juizado Especial. As pessoas são atendidas por ordem de chegada e funciona a partir das 10 horas da manhã, de segunda a sexta-feira, no térreo, no final do corredor do lado esquerdo da entrada do Fórum. Quanto ao PROCON, nem é preciso dizer onde está estabelecido, pois não funciona mesmo. Sinceramente, é algo incompreensível, pois "vendem" uma imagem de "defesa do consumidor", mas a situação é totalmente contrária. Aliás, muitos órgãos municipais em Cabo Frio estão equiparados ao PROCON, pois não funcionam mesmo.

Já em Búzios, o PROCON ainda não foi implantado. Com promessa do prefeito Mirinho Braga (foto ao lado), dizendo que faria do PROCON um modelo a ser seguido, o PROCON ainda não "saiu do papel". Embora o município tenha investido dinheiro e tempo de funcionário, enviando-o para ficar alguns dias em Campos, onde existe uma unidade do PROCON que realmente funciona. No entanto, parece que a motivação de Mirinho Braga diminuiu, ou os objetivos foram outros, tendo em vista a preocupação com as eleições de 2010. Não se sabe ainda se o "projeto" PROCON em Búzios vai ter início, e há quem diga que é por falta de verba. Se for isso, existe alguma coisa errada, pois muitos funcionários de Búzios garantem que foram contratadas várias pessoas de Cabo Frio para trabalharem em Búzios, e sem concurso público.

Em Cabo Frio já não existe a necessidade de manter o órgão, já que os próprios funcionários encaminham os consumidores ao Fórum. Com isso, o acúmulo de processos no Juizado Especial é grande. Talvez não seja nenhuma surpresa para os moradores de Cabo Frio, já que o município de Cabo Frio está parado em sua administração, curtindo a "ressaca" das eleições de 2010. A programação agora está focada nas eleições de 2012. Enquanto isso, os consumidores ficam abandonados, sendo lesados por empresas que, além do poder financeiro, contam com a incompetência dos administradores públicos, que não agilizam o atendimento e funcionamento de órgão de defesa do consumidor. De qualquer forma, peço para que os consumidores não desistam da busca dos seus DIREITOS, contratando um advogado ou buscando o atendimento no fórum, conforme informado acima. Aqui, realmente, desejo BOA SORTE! 

"PORQUE HÁ O DIREITO AO GRITO; ENTÃO EU GRITO!" (Clarice Lispector, escritora brasileira, 1920-1977)

sábado, 16 de outubro de 2010

'Torcedores' se preocupam com futebol e esquecem de estudar.

Exatamente no dia destinado à comemoração dos professores, torcedores do Corinthians (tinha que ser desse time) "invadiram" o treinamento dos jogadores para protestar, ofender, intimidar e "maltratar" a língua portuguesa (faixa na foto acima). Em pleno horário comercial (parece que essas pessoas não têm o que fazer), os  supostos torcedores, conhecidos também como "baderneiros" gritavam e exigiam conversar com os líderes do time do Corinthians. Por favor, procure o erro em uma palavra na faixa acima. Na faixa está escrito: "... Não aceitamos jogadores inúteis, "INERCES" (sic)...". Não tenho o costume de corrigir erro de português das pessoas, exceto, quando a pessoa é muito próxima e quando eu vejo a necessidade de intervir em uma correção construtiva discreta. Fora isso, ignoro, até para que a pessoa não fique constrangida, evidentemente. Respeito as limitações. Mas, o que eles, torcedores, queriam dizer na faixa era "INERTE", de INÉRCIA. Na verdade os INERTES são os torcedores, que não trabalham e acabam atrapalhando quem está buscando soluções para o problema. A invasão ao loca  de trabalho alheio é coisa de quem é absoltamente INERTE mesmo.

Veja na foto ao lado (clique na imagem para ampliar), torcedores "enquadrando" o capitão da equipe, o zagueiro William (que se destacou na equipe do Ipatinga-MG), colocando-o literalmente na parede, no canto direito da foto. O caso em tela merece um destaque para mostrar exatamente o que fazem aqueles que ficam "à toa", sem fazer absolutamente nada, e acabam utilizando esse tempo ocioso para ofender e intimidar pessoas que estão em seu local de trabalho. Mais do que isso, demonstram que realmente não são capazes de apoiar nem as pessoas pelas quais enchem estádios para ver jogar e comemorar vitórias juntos. Interessante é que as vitórias dos times desses torcedores "doentes e fanáticos" em nada mudam as suas vidas, exceto pelo "falso" sentimento de satisfação, ao sair nas ruas para ficar mexendo com um torcedor de um time rival. Em estádio, onde são realizadas as partidas, a briga entre esses torcedores é constante, e nada se faz para banir dos estádios esses verdadeiros "bandidos", travestidos de torcedores.

A ofensa extrapola o lado profissional e acaba sendo pessoal, com supostos gritos de "palavras de ordem". Que ordem?! Onde está a ordem nessa desortem total?! Esses são os supostos "torcedores" que chamo de OFENSORES, verdadeiros DESTRUIDORES. Na faixa da foto ao lado, chamaram um jogador de "safado". O referido jogador pediu dispensa do clube até a próxima 2ª feira. Lembremos que teremos a Copa do Mundo de futebol entre seleções aqui no Brasil, em 2014. É um assunto que também vou postar aqui no blog. Utilizando as frases das faixas intimidadoras, posso dizer que o futebol REPUDIA esse tipo de pessoas, e que nem o Corinthians, nem qualquer outro time precisa de "torcedores" agressores e intimidadores. Deveriam todas essas pessoas voltarem para a escola, não somente para aprender o português correto, mas para aprender também a viver em harmonia. Fazer protesto é diferente de praticar agressão.

Vale lembrar que o presidente Lula é torcedor do Corinthians. Talvez isso explique a "contaminação" que aconteceu por lá, atrofiando o cérebro de muitos torcedores. Talvez, todos esses torcedores deixaram de ir à escola tentando copiar o político. Desta forma, muitos deles não conseguiram ganhar eleições e desistiram de ser político e de estudar, e resolveram ficar intimidando e agredindo de forma verbal e física os jogadores de futebol do time que se dizem "torcedores". A palavra "ENERGUMENO", que relativamente é difícil de se escrever, os "falsos torcedores" escreveram corretamente na faixa que está no topo deste assunto. Mas acredito que apesar de terem acertado a grafia da palavra, erraram no endereço. O significado da palavra ENERGUMENO serve exatamente para esses torcedores agressores, que são "endemoninhados; possessos, desnorteados; furiosos; fanáticos". Está explicado porque esses falsos torcedores dizem que são "UM BANDO DE LOUCOS!".

Observação: Um comentarista esportivo da TV Gazeta ainda ironizou na reportagem sobre o protesto agressivo dos torcedores do Corinthians. Ele disse, "ao vivo", que, por ser feriado referente ao dia dos professores, "na certa, todos os torcedores que ali estavam eram professores". Essa foi muito boa!

"O FUTEBOL É O ÓPIO DO POVO E O NARCOTRÁFICO DA MÍDIA!" (Millôr Fernandes, desenhista, humorista, dramaturgo e escritor brasileiro)

sexta-feira, 15 de outubro de 2010

Dia do professor: quando haverá valorização?!

Neste dia em que é comemorado o dia dos professores, não se pode esperar que a valorização venha do atual Presidente da República, que preferiu ser político do que continuar os estudos. Espero que isso não "contamine" a cabeça de muitos jovens, imaginando que pode chegar a presidência e deixar de estudar. De qualquer forma, Lula se vangloria por isso, e para ele, é algo "fantástico". Porém, a política do metalúrgico que se tornou presidente é a mesma do outros que não investiram na educação: se investir em educação, o povo fica instruído, e um povo com instrução é "perigoso". Esse é o pensamento de muitos políticos que preferem fazer uma política assistencialista do que investir em educação. Assim é também o governo Lula.

Também, o Lula segue uma lógica: se ele não estudou não existe motivo para investir em educação. Esta é a coerência dele, evidentemente. Assim, observamos uma sociedade passiva, alheio a tudo que acontece, "levando a vida" como se tudo estivesse bem. Os "políticos profissionais" iguais a Lula, por exemplo, verdadeiramente amam isso, e torcem para que o povo não estude, não tenha pensamento próprio e que fique cada vez mais dependentes do governo. A inauguração de determinadas escolas técnicas são todas próximas de períodos eleitorais, com objetivo único de divulgar em suas propagandas políticas, para mostrar a farsa do investimento em educação. Propaganda enganosa é crime, mas, no entanto, tudo é muito bem conduzido, evidentemente.

Aqui em nossa cidade, a "onda Lula" pegou, e temos alguns vereadores que sequer sabe o que é terminar o ensino médio (antigo 2º grau). Sem querer desmoralizar ou desqualificar os nobres vereadores ou aqueles que ainda não conseguiram (ou não quiseram) continuar os estudos. Mas, como falar para uma criança ou adolescente estudar se o próprio político não fez isso. Aí está a política do "faça o que eu digo mas não faça o que eu faço!". É exatamente aquilo que eu já escrevi aqui: é muito mais fácil ser político do que entrar em uma sala de aula para estudar. Desta forma, fazendo uma política assistencialista, os "votinhos" aparecem na urna.

Uma confirmação do assistencialismo "Lulista" está em uma reportagem da "Rede TV", quando mostrou o percentual de votação de 94% dos 3.700 eleitores de uma pequena cidade em estado de miserabilidade para a candidata Dilma Rousseff, no interior de Pernambuco. Ao perguntar para os moradores da cidadezinha, logo se descobriu que era por causa do famoso "bolsa família", benefício que o governo federal se vangloria. Com isso, a reportagem mostrou que os habitantes votaram na candidata do Lula, imaginando que poderiam perder o benefício se não votassem nela. Ingenuidade que o governo federal, diga-se, Lula, quer continuidade. Já sabemos que sem instrução, o povo não sabe, não vê e não "acha" nada. Cumpre a obrigação de ir na urna e votar em quem supostamente dá o benefício.


Espero que essa contaminação de "não estudar" fique bem longe das crianças e jovens que precisam estudar. A formação, a instrução e o dever de mudança são fundamentais para impedir o crescimento desse assistencialismo barato que o governo Lula quer perpetuar. A popularidade de lula é baseada no assistencialismo. Agora, ele quer a autoritária Dilma, para tripudiar ainda mais dos professores. Querem comprar o povo brasileiro com todo o tipo de "bolsas"! Enquanto isso, os professores nem dinheiro têm para comprar bolsa! 

"O QUE É ENSINADO NAS ESCOLAS E UNIVERSIDADES NÃO REPRESENTA EDUCAÇÃO, MAS SÃO MEIOS PARA OBTÊ-LA!" (Ralph Emerson, famoso escritor americano, 1803-1882)

quinta-feira, 14 de outubro de 2010

Programa eleitoral tenta comparar Dilma Rousseff a Madre Tereza de Calcultá: uma aberração!

No programa eleitoral da TV no dia de ontem, 13/10/2010, os marqueteiros de Dilma Rousseff colocou um depoimento de um senhor, com uma suposta alegação de que "pensar em Dilma é como lembrar de Madre Tereza de Calcutá". Com o devido respeito ao cidadão que falou isso, é incomparável o trabalho que fez Madre Tereza  (foto ao lado) com o que não fez a Dilma. Ou os marqueteiros não conhecem a história de Madre Tereza de Calcutá, que eu já postei aqui neste blog, ou a turma de Dilma entrou em desespero com o crescimento do adversário nas pesquisas. Além disso, a Dilma já mostrou a sua agressividade no primeiro debate do 2º turno, sendo questionada amplamente pela imprensa. Com a pressão dos números de pesquisas eleitorais, os marqueteiros de Dilma tentam mudar o panorama, que tende a ficar acirrado, dependendo do apoio do PV, quando for resolver quem irá apoiar no 2º turno das eleições presidenciais.

A comparação de Madre Tereza com Dilma é extremamente infeliz e sem qualquer sentido. A considerar a história da famosa irmã caridosa, empenhada em defender os mais necessitados em todo o mundo, não tem nenhuma semelhança com a Dilma autoritária. Para início, Madre Tereza desafiava os políticos que não faziam o que deveria ser feito para o povo, mesmo com dinheiro. Naquela oportunidade, a irmã fazia o que os políticos não faziam, mesmo com dificuldades. Com isso, tinha propriedade para criticar os políticos e evitava depender deles para realizar qualquer empreitada, e não deixava passar a oporunidade para dar "puxões de orelhas" nos engravatados de gabinete.

"Encostada" na figura do presidente Lula, Dilma tenta angariar a popularidade do seu "patrocinador", tentando ser carismática, e esconder a sua má fama de autoritária, como alguns correligionários do PT já disseram. Essa candidata  Dilma foi imposta pelo presidente Lula, e muitas pessoas do PT tiveram que engolir, com grande insatisfação. Nas entrevistas, discursos e debates, podemos  perceber que a Dilma foi treinada, mas não consegue transmitir segurança naquilo que fala. Além disso, agora assumiu a sua verdadeira postura agressiva, que a mídia questiona, como se fosse alguma "novidade". E para conseguir mais alguns "votinhos" da "ala religiosa", assumiu um compromisso de não enviar para o Congresso Nacional qualquer tipo de Lei contra os princípios religiosos, e declarou que não vai apoiar o casamento homossexual.

Para se conseguir votos, muitos candidatos declaram diversos compromissos, e com a Dilma a coisa não está sendo diferente. Agora ela também resolveu frequentar templos religiosos, diz que é devota desse ou daquele santo (para mim, o único santo é Jesus Cristo), e em seu discurso diz que é a favor da vida. Mas, prezado(a) leitor(a), quem é contra a vida?! Com um discurso "automatizado", e com a bandeira do "continuismo", ou seja, continuar com o assistencialismo que alegam ser do seu patrocinador (Lula), o famoso "bolsa família". Diz ainda que está emprestando dinheiro ao FMI (Fundo Monetário Internacional), porém, deixa de investir no próprio país, para minorar as dificuldades de vida de muitas famílias do norte e nordeste do Brasil. O egocentrismo da candidata Dilma é explícito, para uma pessoa que não realizou absolutamente nada!

Os marqueteiros bem pagos da Dilma vão ter que "cortar um dobrado" para fazer com que a Dilma seja solícita e sempre simpática. Terão de tornar a candidata em uma verdadeira atriz, ou, quem sabe, com um excelente maquiador, tornar a imagem parecida com Madre Tereza de Calcutá. As atitudes porém, serão bem diferentes, com o conhecimento da  história da verdadeira Madre Tereza, que é muito, muito diferente da FALSA Dilma Rousseff.

"MUITAS VEZES AS PESSOAS SÃO EGOCÊNTRICAS, ILÓGICAS E INSENSATAS. PERDOE-AS ASSIM MESMO!" (Madre Tereza de Calcutá, 1910-1997)