Banner:

quarta-feira, 23 de fevereiro de 2011

Vereador Luis Geraldo coloca a "mão no fogo" pelo governo incompetente de Marcos Mendes.

Na sessão plenária desta última terça-feira (22/02), o vereador Luis Geraldo (PPS), utilizou a tribuna da Câmara, em sessão plenária, para explicação pessoal, antes do término dos trabalhos da Casa Legislativa. Após críticas realizadas pelo vereador Taylor Jasmim (PMDB) - foto ao lado, de que o Hospital de Jardim Esperança está abandonado pelo poder público. Lembramos aqui que o nome do referido hospital naquele bairro é "O Time dos Santos", homenagem ao saudoso "Timinho", ainda em vida, mas falecido em 2010. O vereador Taylor fez duras críticas ao prefeito de Cabo Frio, dizendo que a cidade de Cabo Frio está abandonada. Sendo médico, o vereador se diz decepcionado com a atual administração, dizendo que a saúde, sendo fundamental, não está atendendo a população. Porém, isso não é de hoje, já que a Secretaria de Saúde nada faz para minorar os problemas dos munícipes, que muitas das vezes precisam ingressar na justiça para terem seus direitos preservados. Em breve, postarei aqui no blog sobre uma das Ações Judiciais na qual trabalhei para defender os direitos de um cidadão, que, apesar de ter autorização para determinada cirurgia, o município se negava a realizá-la, alegando falta de ANESTESISTA, além de informar que os "médicos estavam se reunindo com a administração para resolver a questão".

Mesmo assim, com todos os problemas vivenciados e não resolvidos pela atual administração de Cabo Frio, corajosamente, o vereador Luiz Geraldo (foto ao lado), assumiu compromisso público, em sessão plenária, dizendo que o prefeito Marcos Mendes irá, ainda neste ano de 2011, tornar o atendimento na saúde de Cabo Frio, como nunca visto antes. Luis Geraldo, que já foi presidente da Câmara de Cabo Frio, Líder do governo Câmara nos dois anos anteriores de período legislativo, e atualmente é o 2º secretário da mesa diretora, informou sobre o compromisso de Marcos Mendes, atual prefeito, de investir no setor da saúde em Cabo Frio. Mais do que isso, o vereador Luis Geraldo informou que usará a mesma tribuna da Câmara para cobrar tal compromisso, e não poupará críticas se o que lhe foi falado não for cumprido. Eu, particularmente, vou agir como SÃO TOMÉ, e vou primeiro VER PARA CRER. Sabendo que a atuação administrativa de Marcos Mendes é extremamente deficiente, incompetente ao extremo, creio que o vereador Luis Geraldo irá sofrer grande revés, acreditando em promessa alheia; ainda mais, sendo de um prefeito que nada faz por Cabo Frio, a não ser resolver interesses pessoais, preocupado apenas nas diversas demandas judiciais a que responde na Justiça.

Uma das irregularidades obsevadas neste governo MEDÍOCRE que Marcos Mendes administra, é o atendimento no CENTRO MUNICIPAL DE REABILITAÇÃO - imagem ao lado, clique para ampliar, situado na Rua Expedicionário da Patria, bem ao lado do Hospital São José Operário, no bairro São Cristóvão. Fato é que os munícipes que precisam de fazer FISIOTERAPIA para se recupararem de lesões diversas, estão com o tempo destinado à recuperação diminuído. Ou seja, o paciente que tem UMA HORA de FISIOTERAPIA, só está fazendo 45 minutos ou menos. O artifício foi adotado pelos profissionais com o objetivo de atender mais pessoas. É louvável que queiram atender o maior número de pessoas possíveis, mas não podem prejudicar o tratamento de pacientes que precisam do serviço em tempo integral, conforme orientação médica. A atitude adotada pelos profissionais da fisioterapia, que deve ter a autorização de responsáveis pelo setor, é claramente equivocada e deve ser revista. Esta é apenas uma das IRREGULARIDADES que o governo Marcos Mendes, através da Secretaria de Saúde, pratica.

Aqui neste blog, eu já postei neste blog, no dia 11/09/2010, com o título "População de Cabo Frio continuará passando a madrugada na fila para marcar consultas", - clique no link para ler o assunto completo -, com a foto ao lado, que fiz, quando passava em frente ao Galpão de Marcação de Consultas, no bairro Braga, em Cabo Frio. O idoso sentado do lado esquerdo da foto, com 83 anos de idade à época, informou que a especialidade do médico para quem iria marcar a consulta não é oferecida no bairro Jardim Esperança, onde mora. Por isso, se desloca do bairro onde mora para ficar a madrugada toda na fila, vez que são disponibilizada poucas vagas para consultas. Este é o governo que o vereador confia que dará uma solução para o péssimo sistema de saúde em Cabo Frio. Governo explícitamente NEFASTO, DEMAGOGO, HIPÓCRITA, que sequer é capaz de manter em funcionamento o que já foi construído na cidade.

Creio que a "mão do vereador Luis Geraldo vai ser queimada", pois o governante, dublê de prefeito, apesar de ser médico, não cuida das necessidades que o povo de Cabo Frio clama. O sistema de saúde municipal está caótico, humilhando cidadãos que buscam socorro, com a conivência de determinados vereadores que "FATIARAM" a saúde, utilizando em benefício próprio, privilegiando algumas pessoas, em detrimento da maioria. Tudo isso com a estrutura governamental a favor desses vereadores. É por isso que um vereador incluiu o nome "saúde" em seu nome, na campanha política de 2008, e outro vereador, atrela ao seu nome uma alusão à saúde, quando ainda trabalhava em um laboratório particular na cidade de Cabo Frio. Ambos utilizam o sistema governamental para atender interesses exclusivamente políticos, próprios, com vantagens concedidas pelo governo, praticando o chamado TRÁFICO DE INFLUÊNCIA. É tudo LAMENTÁVEL, mas PRATICÁVEL nesta cidade abandonada chamada CABO FRIO!

"POLÍTICO HOJE EM DIA É COMPARADA CADA VEZ MAIS A COCÔ DE GALINHA!" (Ciro Gomes, advogado, professor universitário e político cearense) 

2 comentários:

  1. A mão é dele, ele a coloca onde quiser - Depois ele vai direto para uma unidade hospitalar da Rede D'Or.



    Essa eu não sabia: O advogado vencedor das causas impossíveis e improváveis, o fabuloso Dr. Carlos Magno, foi funcionário da Dona Salineira. Legal!

    ResponderExcluir
  2. Derepente ele tem mãos de aço,rsrs.

    ResponderExcluir